Notícias

Italiano cria casa dobrável que pode ser construída em 6 horas

As estruturas podem ser personalizadas com painéis solares, sistemas de tratamento de água cinza e iluminação LED.

Por Ciclo Vivo

Publicado em 1 de dezembro de 2017
Controlar tamanho de fontes:



Um italiano está propondo um novo modelo de habitação que é o resultado de diversas soluções criativas. Para começar, ao contrário das residências tradicionais, não se trata de um “imóvel” e sim de uma casa dobrável e transportável. Ela pode ser montada em apenas seis horas com ajuda de três pessoas.

O projeto chamado de M.A.Di. é do italiano Renato Vidal, que garante que sua alternativa é feita com material de alta qualidade e seguro, inclusive possui certificado anti-sísmico (o que é importante dentro do país).



Há alguns modelos à escolha do cliente e mesmo o mais básico possui banheiro já equipado com sanitários, utensílios de cozinha, escada de uma etapa e instalações técnicas, como sistemas elétricos e de água.

Não há limite para o número de módulos que podem ser montados, de forma que é possível construir casas de vários tamanhos. Para instalá-la, também não é necessário nem uma base de concreto, ela pode ser temporariamente posicionada diretamente no chão -, desde que nivelado. Mas quem deseja fixar sua residência em um lugar por longos períodos é aconselhável colocá-la no chão sobre um parafuso de fundação disponibilizado pela própria companhia.



E as estruturas também podem ser personalizadas com painéis solares, sistemas de tratamento de água cinza e iluminação LED. Na produção padrão, as paredes exteriores são finalizadas com lâminas de madeira na cor exigida pelo cliente, mas existem inúmeros tipos de painéis de acabamento, gesso, alumínio ou de fibra, bastões de mármore, entre outras opções.

O lar menor pode medir 26 metros quadrados e custa cerca de 100 mil reais, enquanto o mais caro chega a quase 84 metros quadrados, custando em média 235 mil reais.


















 


Comente no Facebook

Comente no IE
0 Comentários

obrigatório

obrigatório

 


Conheça a estrutura do Instituto e o que ele pode oferecer para você